Banner
   
Tamanho Texto

Busca

Portal da Prefeitura do Município de Londrina - Núcleo de Comunicação
Feira de Economia Solidária começa amanhã
Sex, 07 de Maio de 2010 01:51
A abertura oficial do evento será a partir das 11h e contará com a presença do prefeito Barbosa Neto e outras autoridades


Será realizada neste sábado e domingo, nos dias 8 e 9, a 1ª Feira Regional de Economia Solidária no Centro Cultural Lupercio Luppi, que fica na avenida Saul Elkind, 790. O evento está sendo organizado pelo programa de Economia Solidária da Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS), em parceria com as secretarias de Cultura e Meio Ambiente. Amanhã, das 8 às 13 horas, o Sine estará presente com o mutirão do emprego. No sábado, a feira vai funcionar o dia todo, das 9h às 21 horas, sendo que a abertura oficial vai ser realizada às 11 horas e contará com a presença do prefeito de Londrina, Barbosa Neto. No domingo as atividades começam às 8h e encerram às 12 horas. De acordo com a gerente de inclusão produtiva da Secretaria Municipal de Assistência Social, Nelma Liberato, a feira que tem como objetivo divulgar e comercializar os produtos de grupos de produção coletiva. No evento estarão presentes 50 empreendimentos de Londrina e região.
 
Durante a feira, serão comercializados produtos como salgados, bombons e bolachas, além de produtos oriundos da agricultura familiar como café orgânico, açúcar mascavo, pé-de-moleque, rapadura, amendoim torrado doce e salgado, conservas e melado, dentre outros. Serão oferecidas, também, apresentações culturais, gincanas e ginásticas. O evento é gratuito, aberto para a comunidade em geral e conta com o apoio da Sercomtel, Caixa Econômica Federal (CEF), Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Transportes Coletivo Grande Londrina (TCGL) e do Programa de Profissionais Solidários da Universidade Estadual de Londrina (UEL).  
Programação
 
8 de maio - sábado
 
9h às 9h30 – Apresentações Culturais: Artes Circenses, Expressão Corporal, Artes Cênicas – Centro Social Marista Irmão Acácio
9h30 às 10h – Resgatando nossa identidade – Projeto Viva Vida
10h às 11h30 – Gincana para crianças e Ginástica Maluca – SESC
14h às 15h30 -  Artes Circenses, Artes Cênicas, Cultura e Movimento – Centro Social Marista Irmão Acácio
16h às 17h30 – Gincana para crianças e Ginástica Maluca – SESC
18h às 19 h – Grupo Badadoyn – Casa Caminho da Alegria
19h às 20h30 – Banda de Músicos de Londrina
9h às 21h – Educação Ambiental para crianças
 
9 de maio - domingo
 
10h às 11h30 – Gincana para crianças e Ginástica Maluca – SESC
11h às 12h – Banda de Músicos de Londrina
(Londrina, 7 de maio de 2010)
 
Harlem Globetrotters se apresentam hoje no Moringão
Qui, 06 de Maio de 2010 06:03
Após 32 anos, time americano faz sua segunda apresentação oficial e apresenta o candidato brasileiro escolhido em Londrina


d674811405bb6f1d4aedc55469085f84O Ginásio de Esportes Moringão recebe hoje (6), às 19h, uma atração muito especial. Após 32 anos, os Harlem Globetrotters voltam a Londrina para sua segunda apresentação oficial na cidade. Mesclando esporte e muito humor, os Globetrotters fazem do jogo de basquetebol um espetáculo, interagindo com o público, tendo como marca a irreverência que atrai multidões há 86 anos. Para a realização do jogo dos HGT, um piso especial foi colocado pelos patrocinadores. Antes do início do jogo, os representantes do Harlem Globetrotters farão a apresentação do representante brasileiro escolhido para compor a equipe e acompanhá-la nas turnês mundiais. Dentre os 10 candidatos que estiveram em Londrina para a gravação do reality show do programa Caldeirão do Huck, da Rede Globo, o felizardo foi Wilson de Melo, de Brasília - DF. O adversário dos Globetrotters será o Washington Generals. A equipe, fundada em 1952, acompanha os HGT nas turnês como seu “saco de pancadas”, já que a última vez que conseguiram ganhar dos Globetrotters foi em 1971, por um ponto de diferença, no último segundo da partida. As apresentações ficam ainda melhores com as duas equipes, já que os atletas do Washington Generals estão acostumados com o humor nas apresentações, marca registrada dos Harlem Globetrotters.
 
Os portões serão abertos ao público às 19h, e o jogo está marcado para começar às 20h. Os interessados podem adquirir os ingressos pelo site www.ingressorapido.com.br, ou pelo número 4003-1212. Mais informações sobre a turnê dos Harlem Globetrotters pela página www.harlemglobetrotters.com.br.
(Londrina,  6 de maio de 2010)
 
Biblioteca promove exposições e torneio de damas em maio
Qui, 06 de Maio de 2010 04:13
Torneio de damas e exibição de desenhos feitos por crianças japonesas da cidade de Nishinomya são atrações na Biblioteca este mês; a entrada é gratuita


291977134ce74aeecc4f0fec899bf2d0Em sua programação mensal, além da exposição do artista plástico Julio César Gonçalves, a Biblioteca Municipal de Londrina vai abrigar ainda duas atrações durante o mês de maio: Um torneio de dama e a exposição de desenhos de crianças de Nishinomya, cidade japonesa coirmã de Londrina. O torneio de damas - jogo de tabuleiro cuja origem acredita-se tenha origem no antigo Egito em cerca de 3.000 a.C. - é considerado um esporte de raciocínio  muito importante para o desenvolvimento mental. A prefeitura incentiva este esporte, assim como o xadrez, há muito na cidade e mesas com tabuleiros podem ser encontradas em frente à Bilibioteca Municipal. A competição ocorre no dia 16, às 9h30, e se estende por toda a manhã. A entrada e a inscrição são gratuitas e livres para todas as idades e os interessados poderão se inscrever na hora. Não é preciso ser sócio da biblioteca para participar. Outra programação prevista para maio é a exposição “Nishinomyia – Unesco World Children Pictures 2010” de desenhos feitos por crianças de Nishinomya, cidade coirmã de Londrina. “Este trabalho é feito há mais de 30 anos, em uma ação integrada entre as cidades. Portanto crianças londrinenses também enviam desenhos para serem expostos na cidade japonesa”, disse Rovilson José da Silva, diretor da biblioteca. O diretor informou ainda que este ano, o Museu de Arte de Londrina selecionou e encaminhou à cidade asiática, 23 pinturas de estudantes da terceira e quarta série do ensino fundamental da Escola Municipal Arthur Thomas. A exposição de desenhos de Nishinomyia é itinerante, e fica até o dia 7 deste mês no Centro Cultural Lupercio Luppi, na região norte da cidade. Do dia 10 ao dia 17, é a Biblioteca Ramal Vila Nova que recebe a mostra e, a partir do dia 17, será possível apreciá-la na Biblioteca Pública Municipal, até o final do mês. A biblioteca fica na avenida Rio de Janeiro, n° 413, e funciona, de segunda a sexta-feira, das 8h às 19h e aos sábados, das 8h às 13h.
(Londrina, 6 de maio de 2010) Foto: Luiz Jacobs
 
CMTU executa capina e roçagem em oito pontos hoje
Sex, 07 de Maio de 2010 01:32
Faixa exclusiva para ônibus, na rua Professor João Cândido, continua sendo fiscalizada pela companhia; coleta seletiva é monitorada nas quatro regiões da cidade


A Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) realiza hoje (7) os serviços de capina e roçagem nos conjuntos Alexandre Urbanas, Guilherme Pires e José Bonifácio, e nos jardins do Leste, Belo Horizonte, Universitário, Alvorada e Andrade. A companhia, além de retirar os entulhos dos jardins Maracanã e João Turquino, implanta uma coluna de semáforo no cruzamento das ruas Minas Gerais e Maranhão e a sinalização vertical no cruzamento da avenida Castelo Branco com a rua Maranhão. A CMTU também fiscaliza a faixa exclusiva para ônibus na rua Professor João Cândido e o estacionamento regulamentado da Zona Azul, assim como orienta o trânsito nas obras da avenida Castelo Branco e da avenida Duque de Caxias, onde o recape asfáltico está sendo feito. O monitoramento da coleta seletiva nas quatro regiões da cidade é outro serviço promovido pela companhia hoje. Outra atividade a ser desenvolvida é a panfletagem no conjunto Jamille Dequech para indicar quando e em que horário e local a coleta seletiva será realizada.
(Londrina, 7 de maio de 2010)
 
Servidoras participam de produção de livro da Petrobras
Qui, 06 de Maio de 2010 04:20
Bibliotecárias da prefeitura fizeram pesquisa de fatos marcantes para publicação em homenagem aos 30 anos da refinaria Henrique Lage, de São José dos Campos (SP)


Duas servidoras da Biblioteca Pública Municipal participaram da produção do livro “Refinaria Henrique Lage: uma travessia de 30 anos”, produzido em Londrina e editado e lançado pela Petrobras este ano como celebração ao aniversário de três décadas de existência da refinaria sediada em São José dos Campos (SP). O processo de produção foi delegado à agência de comunicação e propaganda londrinense La Casa, que presta assessoria em publicidade à petrolífera nacional. “O proprietário da agência, Alessandro Cesário, me procurou e fez a proposta para participar do projeto”, explicou a bibliotecária Marli Bleinroth, que convidou também a colega Vera Ferraciolli para realizar a empreitada. A função era pesquisar, no arquivo da biblioteca pública, materiais jornalísticos de revistas e jornais sobre assuntos históricos de relevância dos últimos 30 anos. O objetivo era contextualizar os momentos vividos pela refinaria com a evolução histórica do Brasil e do mundo. “Foi minha primeira experiência com pesquisa bibliográfica, e foi muito enriquecedora. E a Vera já tinha experiência no assunto, o que foi muito importante”, observou a bibliotecária. Entre setembro de outubro de 2009, as duas procuraram na hemeroteca e nos arquivos retrospectivos da Biblioteca Pública Municipal diversas reportagens ilustradas elencadas pelos produtores do livro. A labuta de dois meses era feita no período vespertino, após o término da jornada regular de ambas. Em média, as bibliotecárias passavam quatro horas diárias emergidas nas pesquisas. “Foi um trabalho complicado. Alguns dos itens solicitados foram muito difíceis de encontrar. Houve um determinado assunto o qual passamos mais de uma semana buscando e não conseguimos resultados satisfatórios”, relatou Marli Bleinroth. Com criatividade, as servidoras contornaram as dificuldades e substituíram materiais não localizados por outros que não estavam previstos. “Encontramos alguns relatos bem interessantes, como o lançamento do primeiro ônibus espacial, o Columbia, o tricampeonato mundial de Fórmula 1 do Nelson Piquet e a chegada da internet no Brasil, que não estavam na relação original. Sugerimos a inserção desses assuntos no lugar de alguns temas que ficaram vagos”, citou. Ao final, as pesquisadoras enviaram mais de 60 referências aos autores do livro, Paul Edman e Aislan Greca. As imagens das revistas e jornais foram digitalizadas e arquivadas junto com pequenos textos que Vera e Marli retiravam das matérias para resumir o conteúdo. A pesquisa bibliográfica das londrinenses ajudou a formar a obra literária de 296 páginas. No fim, segundo Marli, ficou a sensação de dever cumprido e reconhecimento pelo trabalho bem feito. “Ficamos muito satisfeitas, porque o material foi aproveitado de uma maneira muito ampla. No começo, por questão de sigilo, nem sabíamos que o material seria usado em um livro. Depois, fomos informadas apenas que as imagens seriam utilizadas. E, no produto final, vimos que até os textos que selecionamos foram inseridos”, explicou. A bibliotecária classificou a experiência como “bastante prazerosa, tanto profissional quanto pessoalmente”. Alessandro Cesário, proprietário da agência La Casa e responsável por gerenciar a produção do “Refinaria Henrique Lage: uma travessia de 30 anos”, comentou que o trabalho de Marli Bleinroth e Vera Ferraciolli foi fundamental para o resultado final. “Para que o livro existisse, era imprescindível a formação desse paralelo entre os acontecimentos históricos do Brasil e do mundo com os acontecimentos da refinaria. E o trabalho de ambas foi extremamente satisfatório”, elogiou. Cesário disse ainda que a sede nacional da Petrobras já estuda inscrever a obra para concorrer ao “Prêmio Aberje”, de 2010. Promovida pela Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje), o premiação é, atualmente, a mais importante láurea da comunicação empresarial no âmbito nacional. “Falta apenas o aval da matriz do Rio de Janeiro para formalizar a inscrição ao prêmio”, ponderou. Os autores doaram um exemplar à Biblioteca Pública Municipal. O livro foi recebido na última semana e deve estar disponível para consulta popular nos próximos dias.
(Londrina, 6 de maio de 2010)
 
Prefeito recebe “Rainha do Basquete” em seu gabinete
Qui, 06 de Maio de 2010 03:03
Barbosa Neto homenageou a ex-jogadora Hortência, e iniciou conversas para possível implantação de um Centro de Excelência de Basquetebol em Londrina


474d2ef87ad7aebec34f170adf951c45A ex-jogadora de basquete, campeã mundial com o time brasileiro feminino em 1994, na Austrália, e atual diretora da Seleção Feminina de Basquetebol, Hortência, foi homenageada hoje (dia 6) pelo prefeito Barbosa Neto, em cerimônia realizada no gabinete. Em visita a Londrina, a atleta também iniciou conversas para implantação de um Centro de Excelência de Basquetebol na cidade. O projeto, coordenado pela “Rainha do Basquete”, consiste na criação de pontos de aprendizado gratuito do esporte, voltado a jovens de 10 a 17 anos. Os centros são formados em parcerias com órgãos públicos e patrocinadores privados, e visam descobrir novos talentos da modalidade, bem como incentivar a prática e a apreciação desse esporte. Já radicado em Curitiba há quase um ano, o programa atende atualmente a quase 3.000 crianças e adolescentes. Na parceria, membros do projeto ministram cursos a professores de educação física do município, com instruções sobre o funcionamento do projeto, os métodos de ensino das técnicas do esporte. “É o professor que vai ter a sensibilidade de orientar corretamente os alunos e descobrir os novos talentos”, avaliou Hortência, que afirmou que a meta do programa é a conquista de resultados em longo prazo. “Queremos descobrir novos atletas continuamente, até depois das Olimpíadas de 2016”, disse. A “Rainha do Basquete”, que atuou durante 20 anos na seleção feminina de basquete, deu um depoimento sobre o início de sua história no basquete. “Descobri uma escolinha perto de casa, quando tinha 14 anos, e comecei a praticar o esporte. Dois anos depois, eu já estava na seleção”, declarou a ex-jogadora, que complementou: “portanto, a oportunidade é única e tem que ser agarrada. Mas, além de talento e força de vontade, é necessário ter um bom suporte e é isso que queremos oferecer.” Barbosa Neto demonstrou grande entusiasmo com a possibilidade de implantação do Centro de Excelência de Basquetebol em Londrina e declarou que não medirá esforços para que o projeto seja instalado. “Vou marcar reuniões com possíveis investidores, para firmar acordos e concretizar essa ideia. Colocar em prática essa ação é um compromisso que eu assumo”, declarou. A Unimed, uma das potenciais patrocinadoras do projeto, foi representada na solenidade pelo diretor de Marketing, Marco Kumura. O presidente da Federação Paranaense de Basquetebol, Amarildo Rosa, também esteve presente e classificou Londrina como “a capital paranaense de basquete”. Compareceram ainda: o deputado estadual, Neivo Beraldin (PDT-PR), que intermediou a vinda de Hortência à cidade; o presidente da Fundação de Esportes de Londrina (FEL), Paulo Roberto de Oliveira; o diretor de Turismo do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), Cristiano Feijó e integrantes das equipes da Associação Atlética Banco do Brasil (AABB) e do Projeto Basquete Feminino Juventude.
(Londrina, 6 de maio de 2010)
Foto:Luiz Jacobs
 


Página 1116 de 1483

Acesso Fácil

Núcleo de Comunicação

Menu Principal

Quem está Online?

Nós temos 3419 visitantes

Núcleo de Comunicação

Banner
Banner