Banner
   
Tamanho Texto

Busca

Acesf divulga balanço do pagamento da Taxa de Manutenção de Cemitérios

Share

Quase 65% dos concessionários já quitaram o débito; aqueles que ainda não o fizeram podem pagá-lo nas Casas Lotéricas ou Agências Bancárias

 

Na manhã desta quinta-feira (14), a Administração dos Cemitérios e Serviços Funerários de Londrina (Acesf) divulgou o balanço do pagamento da Taxa de Manutenção dos Cemitérios.  Segundo os dados oficiais computados até a última segunda-feira (11), a autarquia recebeu aproximadamente R$ 1.480.000,00.

O montante equivale a cerca de 65% do valor esperado com a cobrança. Isso porque  a previsão era arrecadar pouco mais de R$ 2,1 milhões. Dos 30.509 boletos entregues, 19 mil foram registrados como quitados, mas os números continuam sendo atualizados diariamente. Os boletos começaram a ser distribuídos pelos Correios na segunda quinzena de maio e corresponderam à taxa dos 13 cemitérios municipais, que são de Heimtal, Warta, Irerê, Paiquerê, São Luiz, Maravilha, Guaravera e Lerroville, e os cinco da zona urbana, São Pedro, João XXIII, Padre Anchieta, Jardim da Saudade e São Paulo.

De acordo com o superintendente da Acesf, Leonilso Jaqueta, a Acesf já deu início aos planejamentos para os investimentos dos recursos obtidos por meio do pagamento da taxa. “Nossas prioridades, no momento, são os cemitérios municipais São Pedro, Padre Anchieta e o João XXIII. Neles pretendemos realizar a construção de muros mais altos e melhorar a iluminação, para garantirmos cada vez mais segurança e conforto aos concessionários”, explicou.

Além disso, a autarquia pretende utilizar os recursos para as obras de reparos, manutenção e melhorias, como as feitas durante a revitalização do Cemitério Municipal Jardim Saudade, na reforma dos banheiros do Cemitério de Lerroville; a revitalização do cruzeiro do Cemitério de São Luiz e do São Pedro; reforma da entrada do Cemitério de Irerê; construção da calçada no entorno do São Paulo e do Cemitério São Pedro; reconstrução de muros, pinturas nas paredes, calçamento, pavimentação de vias principais, instalação de câmeras de videomonitoramento, e poços de monitoramento de lençóis freáticos; entre outras ações.

Os concessionários de jázigos que não realizaram o pagamento em dia podem fazê-lo em qualquer agência bancária ou Casa Lotérica, visto que o mesmo é boleto registrado. Isso garante que assim que lido seu código de barras, o valor é automaticamente corrigido com multa e mora de 0,33% por dia.

Aqueles que não receberam o boleto em casa devem acessar o site da Acesf, no endereço eletrônico http://acesf.londrina.pr.gov.br/ e conferir todos seus dados. Caso eles estejam corretos devem imprimir e pagar a taxa. Se houver algum erro no endereço mencionado no mesmo, o cidadão deve entrar em contato com a Acesf pelo (43) 3372-7850.

Os técnicos da Acesf lembram que os cidadãos que se mudaram de Londrina, precisam manter seus dados atualizados. Para isso, eles devem se apresentar pessoalmente na sede da Acesf, que fica na Avenida Juscelino Kubitscheck, 2.948. Caso isso não seja possível, é preciso entrar em contato pelo e-mail acesf.divcemiterios@londrina.pr.gov.br. A mudança de endereço é autorizada apenas para os concessionários ou seus herdeiros. Esse serviço não tem custo para o contribuinte.

Valores - O valor da Taxa de Manutenção varia de acordo com o cemitério e sua localização. O valor máximo cobrado é de 50 UFIR, o que equivale a R$ 151,50 cobrados pelos jazigos do Cemitério São Pedro. Os concessionários dos Cemitérios Distritais pagam a taxa mais barata, que é de 10 UFIR, ou seja, R$ 30,30. Já o valor do Cemitério Jardim da Saudade é de R$ 36,36; do Cemitério Padre Anchieta é de R$ 60,60; do Cemitério São Paulo é de R$ 72,72 e do Cemitério João XXIII é de R$ 78,78.

Acesso Fácil

Menu Principal

Quem está Online?

Nós temos 3160 visitantes

Núcleo de Comunicação

Banner
Banner