Banner
   
Tamanho Texto

Busca

5.6. Estações comerciais emissoras de campos eletromagnéticos

Share

CNAES:  Não há

Porte: Uso do espectro eletromagnético na faixa de frequência de 9KHz (nove quilohertz) a 300 GHz (trezentos giga-hertz)

Importante: entende-se por estações comerciais transmissoras de ondas eletromagnéticas o conjunto de equipamentos e infraestrutura, instalados com a finalidade de funcionar como transmissor ou receptor de ondas eletromagnéticas como: 1) ERB’S – estações rádio base de telefonia celular; 2) estações de radiodifusão e 3) estações de televisão

 

 

Documentos exigidos para requerer Licença Prévia (LP) de estações comerciais emissoras de campos eletromagnéticos:

 

A) F05 - Formulário de Requerimento de Licenciamento Ambiental Municipal para Serviços de Infraestrutura

B) Fotocópia da Carteira de Identidade (R.G.) e do Cadastro de Pessoa Física (C.P.F.), se pessoa física; ou contrato social ou ato constitutivo, se pessoa jurídica;

C) Certidão atualizada da matrícula do imóvel expedida pelo serviço de registro de imóveis – máximo 60 dias ou Decreto de Utilidade Pública, para áreas públicas;

D) Mapa ou croqui de localização indicando: I) a situação do terreno em relação ao corpo hídrico superficial (se houver), II) as coordenadas geográficas (latitude/ longitude ou UTM norte e leste) do centro geométrico do empreendimento, III) as distâncias em raio de 150m das ocupações vizinhas como: residências, creches, escolas, hospitais, centros de saúde, clinicas, shoppings centers, terminais viários, estabelecimentos comerciais, etc.

E) Relatório de conformidade teórica dos níveis de radiação eletromagnéticas de radiofrequência não ionizante da estação;

F) Certidão de Uso e Ocupação do Solo para Fins de Licenciamento Ambiental, emitido pelo IPPUL - Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina;

G) Publicação da súmula em jornal oficial e jornal de circulação diária;

H) Comprovante de recolhimento da taxa ambiental;

I) Procuração do responsável legal para acompanhamento do processo junto a SEMA;

J) Cópia dos documentos pessoais do procurador.

 

 

Documentos exigidos para requerer Licença de Instalação (LI) de estações comerciais emissoras de campos eletromagnéticos:

 

A) F5 - Formulário de Requerimento de Licenciamento Ambiental Municipal para Serviços de Infraestrutura

B) Fotocópia da Carteira de Identidade (R.G.) e do Cadastro de Pessoa Física (C.P.F.), se pessoa física; ou contrato social ou ato constitutivo, se pessoa jurídica;

C) Certidão atualizada da matrícula do imóvel expedida pelo serviço de registro de imóveis – máximo 60 dias ou Decreto de Utilidade Pública, para áreas públicas;

D) Cópia da Licença Prévia e de sua respectiva publicação de recebimento em jornal de circulação regional e jornal oficial, conforme modelo aprovado pela resolução CONAMA no 006/86;

E) Plano de monitoramento dos níveis de radiação eletromagnético do entorno;

F) Projeto de isolamento acústico do container;

G) Publicação da súmula em jornal oficial e jornal de circulação diária;

H) Comprovante de recolhimento da taxa ambiental;

I) Anuência do(s) proprietários (em caso de terceiros);

J) Procuração do responsável legal para acompanhamento do processo junto a SEMA;

K) Cópia dos documentos pessoais do procurador.

 

 

Documentos exigidos para requerer Licença de Operação (LO) de estações comerciais emissoras de campos eletromagnéticos:

 

A) F5 - Formulário de Requerimento de Licenciamento Ambiental Municipal para Serviços de Infraestrutura

B) Fotocópia da Carteira de Identidade (R.G.) e do Cadastro de Pessoa Física (C.P.F.), se pessoa física; ou contrato social ou ato constitutivo, se pessoa jurídica;

C) Certidão atualizada da matrícula do imóvel expedida pelo serviço de registro de imóveis – máximo 60 dias ou Decreto de Utilidade Pública, para áreas públicas;

D) Cópia da Licença de Instalação e de sua respectiva publicação de recebimento em jornal de circulação regional e jornal oficial, conforme modelo aprovado pela resolução CONAMA no 006/86;

E) Relatório de avaliação de estações transmissoras, conforme estabelecido pelo art.15, da resolução ANATEL n° 303/2002;

F) Publicação da súmula em jornal oficial e jornal de circulação diária;

G) Comprovante de recolhimento da taxa ambiental;

H) Procuração do responsável legal para acompanhamento do processo junto a SEMA;

I) Cópia dos documentos pessoais do procurador.

 

 

Documentos exigidos para requerer a renovação da Licença de Operação (LO) de estações comerciais emissoras de campos eletromagnéticos:

 

A) F5 - Formulário de Requerimento de Licenciamento Ambiental Municipal para Serviços de Infraestrutura

B) Fotocópia da Carteira de Identidade (R.G.) e do Cadastro de Pessoa Física (C.P.F.), se pessoa física; ou contrato social ou ato constitutivo, se pessoa jurídica;

C) Certidão atualizada da matrícula do imóvel expedida pelo serviço de registro de imóveis – máximo 60 dias ou Decreto de Utilidade Pública, para áreas públicas;

D) Cópia da Licença de Operação e de sua respectiva publicação de recebimento em jornal de circulação regional e jornal oficial, conforme modelo aprovado pela resolução CONAMA no 006/86;

E) Publicação da súmula em jornal oficial e jornal de circulação diária;

F) Comprovante de recolhimento da taxa ambiental;

G) Procuração do responsável legal para acompanhamento do processo junto a SEMA;

H) Cópia dos documentos pessoais do procurador.

 

Para renovação de Licença de Operação emitida pelo IAP (segunda renovação) deverá apresentar ainda:

 

I) Mapa ou croqui de localização indicando: I) a situação do terreno em relação ao corpo hídrico superficial (se houver), II) as coordenadas geográficas (latitude/ longitude ou UTM norte e leste) do centro geométrico do empreendimento, III) as distâncias em raio de 150m das ocupações vizinhas como: residências, creches, escolas, hospitais, centros de saúde, clinicas, shoppings centers, terminais viários, estabelecimentos comerciais, etc.;

J) Certidão de Uso e Ocupação do Solo para Fins de Licenciamento Ambiental, emitido pelo IPPUL - Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina;

K) Anuência do(s) proprietários (em caso de terceiros);

L) Projeto de isolamento acústico do container;

M) Relatório de avaliação de estações transmissoras, conforme estabelecido pelo art.15, da resolução ANATEL n° 303/2002;

 

A depender do critério técnico da SEMA e da complexidade do empreendimento e/ou atividade, outros documentos, estudos e projetos poderão ser exigidos ao requerente.

Acesso Fácil

Menu Principal

Quem está Online?

Nós temos 1205 visitantes

Servidor Municipal


Redes Sociais

Logo do Facebook  Logo do Flickr  Logo do Youtube  Logo do Twitter  icon instagran

 

 

ouvidoria rodape lon

 acesso a informacao rodape

icon interacao